text-align: center; B de Betina: Top Five: Meus filmes preferidos.

24 junho 2014

Top Five: Meus filmes preferidos.

Por: Vivs Mendonça

Não é de hoje que eu estava querendo vim aqui no blog falar um pouco sobre meus filmes preferidos. Decidi fazer um top five e separar os cinco filmes que sempre estarão no topo do meu coração. hahahah 
Titanic - Gordo ou magro nada me faz esquecer que foi em Titanic que eu vivi minha primeira paixão, o Léo Dicaprio <3. Lembro que a primeira vez que assisti Titanic eu tinha 11 anos e fui no cinema com minha mãe sem saber que ali seria o dia no qual eu iria ter meu primeiro filme preferido e meu primeiro amor platônico. hahah

Mean Girls - Minha adolescência foi baseada em tentar se parecer com Regina George e escrever no livro do arraso (sim, eu tinha um livro do arraso!). Mean Girls me acompanhou na adolescência e me acompanha até hoje, afinal não existe uma pessoa na casa dos 2.0 que não tenha esse filme na sua listinha de preferidos. 

Bonequinha de Luxo - Lembro que eu me obriguei assistir Bonequinha de luxo porque todas minhas amigas já tinham assistido menos eu (é ridículo, eu sei). Depois de finalmente assistir o filme fiquei apaixonada não só pela história como também pela Audrey (vi os outros filmes dela e hoje em dia tenho até uma tatuagem dela na coxa).

Christiane F. - Christiane F. foi o primeiro livro que ganhei da minha mãe pra eu ler quando eu era bem novinha e nem sabia ler direito. Depois que terminei de ler o livro ela se sentou comigo, conversou bastante sobre o que eu li no livro e disse que íamos assistir o filme. Ela foi até a locadora e locou a fita para assistirmos juntas. Lembro que foi um momento só meu e dela e foi único porque até hoje eu me lembro de tudo que ela me disse sobre o filme e todos os conselhos que ela me deu. 

Todos os filmes com as gêmeas Olsen - Parece até coisa de criança, mas não é! A verdade é que desde pequena até hoje sempre que passar qualquer filme da Mary Kate e da Ashley Olsen eu vou parar o que estou fazendo pra assistir. Assistir como se eu fosse a mesma criança de sempre, aquela que queria a mesma mochilinha e o mesmo óculos com lentes coloridos que só elas tinham. 
0

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui!