text-align: center; B de Betina: PARA ASSISTIR: LINDSAY

19 novembro 2014

PARA ASSISTIR: LINDSAY

Por: Vivs Mendonça | fashionpinupblog@gmail.com

Eu ando um pouco sumida aqui no blog, no facebook, no instagram e mimimi. Estava sem internet aqui em casa e fui passar o final de semana em Angra com meu namorado e minha mãe. 
Quando vou pra Angra eu costumo sempre trocar o dia pela noite e com isso passo o dia todo deitada no sofá da sala assistindo televisão e deixando toda a diversão para noite. E em uma dessas minhas idas para a casa da sogrinha eu conheci a série da Lindsay e junto dela a vontade de escrever sobre ela aqui no blog pra vocês. Rs 
Nem todo mundo tem uma tv a cabo em casa, certo? Por isso imagino que muitas de vocês nunca assistiram ou nunca ouviram falar sobre a série-documentário de Lindsay Lohan.
Após ter saído da rehab, Lindsay aceitou o convite da poderosíssima Oprah para se tornar ''prisioneira'' das câmeras em um documentário onde mostra cada detalhe da vida da nossa eterna Cady.

Dirigida por Amy Rice, Lindsay chega a causar constrangimento para todos. Momentos de lágrimas, mudança de apartamento, de vida, confissões e assédio de papparazzi 24 por dia, mostra Lindsay como jamais vimos antes. 
A série tenta acompanhar Lindsay, de 28 anos, após um período de desintoxicação em drogas e álcool - e as filmagens quase levaram Oprah à loucura. Ela chega a intervir durante as filmagens porque a "birutinha" Lindsay muitas vezes simplesmente faltava. Oprah desabafa para as câmeras: "Quando eu disse que faria esse filme, disseram que seria assim. Lindsay muda todo dia. Cada dia parece ser uma pessoa diferente."Oprah diz que queria apenas mostrar "uma mulher que sobreviveu à opinião pública", mas o que encontrou foi uma garota que não consegue dominar a si mesma. A tragédia pessoal de Lindsay começou por volta de 2007, quando afundou nas drogas, no álcool e foi presa e julgada. Chegou a usar tornozeleira eletrônica, ser monitorada. Falhou e voltou para a prisão. Frequentou no mínimo seis diferentes clínicas de reabilitação.Por causa dos atrasos e sumiços da estrela, o documentário acabou custando cerca de três vezes mais do que o previsto. Muitas vezes os equipamentos e toda a produção eram levados para algum lugar combinado, mas Lindsay não aparecia ou, na melhor das hipóteses, chegava cinco horas atrasada.Assistindo a série eu percebi que apesar de mostrar ótimos resultados em seus trabalhos, Lilo deixa um pouco a desejar quando o assunto é profissionalismo :(  Apesar de certos constrangimentos, da pra notar na série o quanto a vida dela é conturbada e corrida. 
Note: A série estreou no dia 9 de março e é transmitida pelo canal OWN. E pra quem quiser assistir a série completa, entre nesse site e confiram todos os episódios legendados. 


0

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui!